Cartoon Network Wiki

Atenção

Estamos reformando nossos guias e políticas, não esqueça de verificar o Manual de Estilo e as Políticas para qualquer nova informação.

A Cartoon Network Wiki não tem nenhuma ligação com o Cartoon Network.

LEIA MAIS

Cartoon Network Wiki
Advertisement


OK, K.O.! Vamos Ser Heróis (OK K.O.! Lets Be Heroes em inglês) é uma série americana criada por Ian Jones Quartey para o Cartoon Network, teve seu piloto em 2013 chamado Plaza Lakewood Turbo (Praça Lakewood Turbo), e virou série em 2017.

Enredo[]

A série se concentra em um futuro no ano de 201X que segue as aventuras de um garoto chamado K.O. Kincaid que quer ser um herói, então ele vai ao armazém de Sr Gar localizado no shopping Plaza Lakewood Turbo. K.O. conhece Enidia e Rad, 2 funcionários do Plaza Lakewood Turbo, lá K.O. provará que ele é um herói.

Personagens[]

K.O.: Kaio Kincaid é o protagonista da série. é um menino de aproximadamente 6-11 anos e é o novo funcionário do armazém do Sr. Gar, localizado em Lakewood Plaza Turbo. K.O. é otimista, leal e disposto a ajudar qualquer um, embora possa ser simplório e ingênuo.

Enidia: Enidia é uma adolescente que trabalha como caixa no armazém. Ela é mais prática e pé no chão do que seus companheiros de equipe K.O. e Rad, embora pareça não ter motivação para realmente ajudar as pessoas.

Rad: Radicales é um alienígena adolescente que também trabalha no armazém. Ele se considera todo-poderoso devido ao seu físico.

Sr. Gar: O Sr. Gar é o proprietário do armazém e supervisor da praça. Ele é duro, sério e orgulhoso. No entanto, ele fica nervoso quando alguém o elogia ou quando está perto de Carol, por quem tem sentimentos.

Carol: Carol Kincaid é a mãe de K.O. e dona da Academia Fitness na praça. Carol é uma mulher durona que ama seu filho imensamente e o trata como uma mãe típica.

Lorde Boxman: Lorde Boxman é um ciborgue e dono de uma empresa de fabricação de robôs chamada Boxmore, que está localizada em frente à praça e cujo objetivo é destruí-la, já que Boxman despreza a amizade e a vê como uma fraqueza. Ele vê seus robôs como seus filhos, mas fica constantemente desapontado com seus fracassos.

Advertisement